Fonte: OpenWeather

    Provas


    "Provão Eletrônico" volta a ser aplicado em Manaus

    As provas serão aplicadas de 28 de junho a 30 de setembro de 2021

     

    Foto tirada antes da pandemia do novo coronavírus
    Foto tirada antes da pandemia do novo coronavírus | Foto: Divulgação/Seduc-AM

    Manaus -  Após ser suspensa desde o fim de 2020, devido às medidas de prevenção à Covid-19, o Provão Eletrônico voltará a ser aplicado pela Secretaria de Estado de Educação e Desporto no fim do mês de junho, em Manaus.

    De forma presencial, as provas serão realizada em quatro unidades, com 50% da capacidade de lotação. As inscrições para o exame serão abertas na segunda-feira (14) e seguem até o dia 23 de junho, pelo endereço eletrônico examesupletivo.seduc.am.gov.br.

    O candidato deverá informar o número do CPF (Cadastro de Pessoa Física), nome completo, nome da mãe e data de nascimento. As provas serão aplicadas de 28 de junho a 30 de setembro.

    Neste retorno, medidas como distanciamento, uso de máscaras faciais e álcool em gel serão adotadas pelos aplicadores e pelos candidatos.

    A coordenadora do programa, Kátia Mendes, frisa que a retomada é importante para atender as pessoas que aguardam a oportunidade de concluir os estudos.

    “Há jovens e adultos precisando regularizar suas pendências escolares, por isso faz-se necessário que a Secretaria de Educação reinicie a aplicação para que eles possam utilizar esses serviços”.

    A prova 

    O serviço é gratuito e é uma das políticas educacionais da Secretaria de Educação para a regularização e conclusão da escolaridade nos níveis Fundamental e Médio. As provas podem ser realizadas por brasileiros e estrangeiros, com a certificação da pasta.

    As unidades fixas de aplicação do exame são: Centro Cultural Aníbal Beça, Escola Estadual (EE) Eliana Pacheco, EE Solon de Lucena e Instituto de Educação do Amazonas (IEA). Cada candidato poderá escolher o local e o turno que deseja realizar o exame, conforme disponibilidade.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Escola prepara alunos para acesso ao ensino superior 

    Professora de Manaus tem projeto de game aprovado pela Fapeam