Fonte: OpenWeather

    Manifestação


    Mulher que matou girafa e exibe coração é criticada por ONG

    Os comentários explodiram com respostas a chamando a caçadora de cruel

     

    Uma fazendeira de 32 anos conhecida como Merelize Van der Merwe chocou as  redes sociais ao posar com um coração de girafa nas mãos
    Uma fazendeira de 32 anos conhecida como Merelize Van der Merwe chocou as redes sociais ao posar com um coração de girafa nas mãos | Foto: Divulgação

    Uma fazendeira de 32 anos conhecida como Merelize Van der Merwe chocou as  redes sociais ao posar com um coração de girafa nas mãos. O motivo? Presente de " Dia dos Namorados ". Seu marido pagou R$11,5 mil para que ela pudesse ter a experiência de abater o animal de 17 anos de idade.

    Na legenda, Merelize diz: "Já imaginaram o quão grande é o coração de uma girafa? Estou encantada com meu grande presente de Valentine’s Day".

    Os comentários explodiram com respostas a chamando de " cruel ". Em resposta, a moradora da África do Sul se defendeu dizendo que "matar animais em extinção ajuda no combate ao desaparecimento das espécies".

    Quando uma ONG a classificou como " sociopata ", a empresária declarou que as organizações são uma " máfia a qual não nutre nenhum respeito". Segundo Merelize, matar animais dá a chance de "novas espécimes" surgirem e ocuparem o espaço do anterior.

    A mulher disse que pratica a caça esportiva desde os 5 anos de idade, incentivada pelos pais, e já abateu mais de 500 animais ao longo de sua vida. “Se caçar se tornar ilegal, os animais se tornarão inúteis e vão desaparecer." Finalizou Merelize.

    *Com informações do IG

    Leia Mais:

    Acre decreta estado de calamidade pública devido a enchentes

    Trump terá que mostrar movimentação financeira para promotor

    Vídeo: galinha tem fim trágico ao ser atacada em 'vale de crocodilos'